Parafernalhas é tudo que você imagina, desde as coisas mais antigas até as novidades. Então, sou música, notícias, moda, viagens, emoções, pensamentos, cinema...... e até aquela receita básica.

28 de março de 2011

Better Together


Não há uma combinação de palavras que eu poderia por no verso de um cartão postal...
E nenhuma música que eu poderia cantar, mas eu posso tentar pelo seu coração...
E nossos sonhos, e eles são feitos de coisas reais
Como uma caixa de sapatos com adoráveis fotos em sépia
O amor é a resposta ao menos para maioria das perguntas no meu coração
Como por que estamos aqui? E onde nós vamos? E por que é tão difícil?
Nem sempre é fácil e às vezes a vida pode ser decepcionante.
Vou te dizer uma coisa, é sempre melhor quando estamos juntos.
Olharemos para as estrelas quando estivermos juntos
É sempre melhor quando estamos juntos
E todos estes momentos podem achar seu caminho para meus sonhos esta noite...
Mas eu sei que eles irão embora quando a luz da manhã cantar
Ou trazer novas coisas para amanhã à noite,  você também vai ver que eles terão ido, tantas coisas que tenho para fazer
Mas se todos estes sonhos puderem achar seu caminho em meu dia eu terei a impressão de que eu estive entre eles...
Somente eu e você, sem muitas coisas à fazer
Ou lugares que tenhamos que ir, agora nos sentaremos sob uma mangueira...
É sempre melhor quando nós estamos juntos
Nós estamos juntos em algum lugar
Eu acredito em memórias, elas parecem tão bonitas quando eu durmo...
E quando eu acordo você parece tão bonito dormindo perto de mim...
Mas não há tempo o suficiente
E não há nenhuma música que eu poderia cantar
E não há uma combinação de palavras que eu poderia dizer
Mas eu ainda vou te falar uma coisa
Somos melhores juntos.

26 de março de 2011

Espirais


Depois do céu tem outro céu
Ou nem o céu existe mais?
Será que o sol é de papel?
Será que as nuvens são de gás?
Se o mar começa noutro mar
Quem é que tira o sal do sal?
Antes do dia começar
A noite é quase imortal
Se nada tem um fim
Quem é que fez o não
Se a nossa vida quer assim
Eu viajei no tempo só por você
E me perdi no final quando encontrei seu olhar
Nossos destinos desenhando espirais
Eu entendi o sinal pelo seu jeito de rir pra mim
Se existe outra dimensão
Em que você não é você
Quem é que sabe a direção
Pra encontrar quem não se vê?
Se o tempo sempre tem razão
E tudo sempre vai mudar
Pra que manter os pés no chão
Se todo mundo quer voar?
Se nada tem um fim
Quem é que fez o não
Se a nossa vida quer assim
Eu viajei no tempo só por você
E me perdi no final quando encontrei seu olhar
Nossos destinos desenhando espirais
Eu entendi o sinal pelo seu jeito de rir pra mim...

23 de março de 2011

Verdades...


Gosto dos venenos mais lentos, das bebidas mais amargas, das drogas mais poderosas, das idéias mais insanas, dos pensamentos mais complexos, dos sentimentos mais fortes… tenho um apetite voraz e os delírios mais loucos.
Você pode até me empurrar de um penhasco que eu vou dizer:
- E daí? Eu adoro voar!
Não me dêem fórmulas certas, por que eu não espero acertar sempre. Não me mostrem o que esperam de mim, por que vou seguir meu coração. Não me façam ser quem não sou. Não me convidem a ser igual, por que sinceramente sou diferente. Não sei amar pela metade. Não sei viver de mentira. Não sei voar de pés no chão. Sou sempre eu mesma, mas com certeza não serei a mesma pra sempre...

Sou como você me vê.
Posso ser leve como uma brisa ou forte como uma ventania,
Depende de quando e como você me vê passar.

...Que minha solidão me sirva de companhia.
que eu tenha a coragem de me enfrentar.
que eu saiba ficar com o nada
e mesmo assim me sentir
como se estivesse plena de tudo.

A única verdade é que vivo.
Sinceramente, eu vivo.
Quem sou?
Bem, isso já é demais....

Sou uma filha da natureza:
quero pegar, sentir, tocar, ser.
E tudo isso já faz parte de um todo,
de um mistério.
Sou uma só... Sou um ser.
E deixo que você seja. Isso lhe assusta?
Creio que sim. Mas vale a pena.
Mesmo que doa. Dói só no começo.

E se me achar esquisita,
respeite também.
até eu fui obrigada a me respeitar.


Clarice Lispector

De cima para baixo...De baixo para cima....

Não te amo mais.
Estarei mentindo dizendo que
Ainda te quero como sempre quis.
Tenho certeza que
Nada foi em vão.
Sinto dentro de mim que
Você não significa nada.
Não poderia dizer jamais que
Alimento um grande amor.
Sinto cada vez mais que
Já te esqueci!
E jamais usarei a frase
EU TE AMO!
Sinto, mas tenho que dizer a verdade
É tarde demais...

Clarice Lispector

22 de março de 2011

A Idade do Céu

Dia Mundial da Água


A comemoração do Dia Mundial da Água traz um alerta: prevê-se que, em 2050, 2 bilhões de pessoas sofrerão com a escassez de recursos hídricos. Dados da ONU mostram que apenas 3% de toda a água terrestre é própria para consumo.

A água é o elemento que deu origem e sustenta a vida no planeta Terra. Sem a água, nenhuma espécie vegetal ou animal, incluindo o homem, sobreviveria. Cerca de 70% de nossa alimentação e de nosso próprio corpo são constituídos por água. Mais da metade de todas as espécies de animais e plantas do mundo é aquática.

Os oceanos, os mares, as geleiras, as neves, os lagos e os rios cobrem aproximadamente dois terços da superfície da Terra. Os cientistas calculam o seu volume total em 1,42 bilhões de km, cuja maior parte (95,1%) está composta pelas águas salgadas dos mares e oceanos.

Os 4,9% restantes constituem-se de água doce, distribuída entre as geleiras polares, que ocupam 97% desse precioso volume; e a água na forma líquida, disponível para o nosso uso, cujo volume é estimado em pouco mais de 2 milhões de km. Assim, 99,9% das águas de nosso planeta são águas salgadas ou permanentemente congeladas.

21 de março de 2011

Outono


Estação do ano que sucede ao Verão e antecede o Inverno. É caracterizado por queda na temperatura, e pelo amarelar das folhas das árvores, que indica a passagem de estações.
Está fazendo um dia lindo de outono. A praia estava cheia de um vento bom, de uma liberdade. E eu estava só. E naqueles momentos não precisava de ninguém. Preciso aprender a não precisar de ninguém. É difícil, porque preciso repartir com alguém o que sinto. O mar estava calmo. Eu também. Mas à espreita, em suspeita. Como se essa calma não pudesse durar. Algo está sempre por acontecer. O imprevisto me fascina.
Clarice Lispector




20 de março de 2011

Um Dia



Titanic e a exposição


Sim, estou vendo TITANIC... Não sei ao certo qual vez é esta que vejo este filme, mas tenho certeza que é bem menos que a quantidade de vezes que meu Irmão viu e ainda vê...rs
Não sou louca por este filme, mas confesso que gosto muito de algumas cenas, estou vendo hoje em especial porque está passando na TV e além de eu estar em fase de recuperação, o dia está cinza...Ideal para passar o dia jogada na sala...

Para quem for hiper, mega fã ...minha sugestão é: TITANIC >>> A EXPOSIÇÃO.

Supermoon ... eu não vi, mas tem gente que viu...

*******************

O Supermoon está brilhando mais do condado de Greene esta noite (sábado). A lua está mais próxima do que foi para a Terra em 18 anos. É também em sua plenitude. Esse fenômeno, apelidado de "Supermoon" em 1970 pelo astrólogo Richard Nolle - descrevendo fases da lua nova ou cheia em 90 por cento ou mais dos seus mais próximos da órbita da Terra.

********************
"Supermoon" sobre Lancaster
Incandescência laranja brilhante, a subida " Supermoon "ilumina galhos de árvores, como é fotografado sábado, depois do por do sol do alto de um parque de estacionamento da cidade.

*******************
Uma lua cheia espiava por entre as nuvens sobre Denver no sábado à noite. A lua cheia ocorre quando ele está no lado oposto da Terra do sol. Noite de sábado 19 de março de 2011. (Karl Gehring / The Denver Post).

*******************

 VERA CHINESA DE FOTOS | A "Supermoon" paira sobre as margens do rio Peconic.

********************
A "lua perigeu" super - a maior em quase 20 anos, sobe ao longo do píer na praia, enquanto pescadores lançam suas linhas para o Oceano Atlântico em Lake Worth, no sábado.

Return To Innocence


Amor - devoção
Sentimento - emoção

Não tenha medo por ser fraco
Não tenha tanto orgulho por ser forte
Apenas olhe dentro de seu coração, meu amigo
Esse será o retorno a você mesmo
O retorno à inocência

Se você quer, então comece a rir
Se você deve, então comece a chorar
Seja você mesmo, não se esconda
Apenas acredite no destino

Não se importe com o que os outros dizem
Apenas siga seu próprio caminho
Não desista e use a chance
Para retornar à inocência

Esse não é o começo do fim
Esse é o retorno a você mesmo
O retorno à inocência...

19 de março de 2011

Dia de São José


Minha avó dizia que no dia 19 de março, dia de São José se você escrever coisas que você gosta de comer ou beber...Tipo escreva só frutas que goste, ou só bebidas que goste...Faça
faça um sorteio e um pedido, fique sem comer ou beber o que você tirou por um ano...Sim um ano! Até dia 19 de março do ano seguinte. Ela dizia: seu pedido será realizado.

Eu particularmente acredito que todas as coisas em que você acredita, se concretizam...





Caio Soh


Há quem decore a vida na ponta da língua, outros rabiscam o próximo passo na ponta do acaso aqui, nessa estação, onde um outono instrumental inspira a queda das palavras, minha força escorre poemas pelo cedro desse palco, assim como meus pés cravam a fidelidade aos sonhos desses guris atrevidos que aqui brotarão virtuosos, aguerridos com seus estilingues de cordas vocais de nylon e de aço, apedrejando a covardia dos homens secretos a si.
Fábula em partituras da Gata de Botas! Maria e seus Joões cantam o caminho de volta para o íntimo, hasteiam leves uma bandeira toda bordada de mocidade, doces rendas melódicas, ponto a ponto terras descobertas, a cada acorde um ensaio para acordar um moço jeito de existir. Sem a intenção de trocar de mundo, apenas unir quem não coube em sua acidez.
Inventemos aqui, nesse solo fértil, veraneio da arte, palco do palhaço “ Randevu”, um baile de amigos em pleno velório do falecido monstro que cobria o horizonte de quem ama o que se pode ser. Aqui jazz uma solidão ignorante. Naufragam agora todas as farsas escritas pelo cão. Dionísio, arauto de tudo que se une fantasticamente, abre alas desse concerto para os desconcertados se banharem. A partir de hoje uma nau de solidão navegará aliviada dos apegos impossíveis, e uma nova geração desvendará a ilha daqueles que sonham antes de dormir.
Notas serão como uma leve pluma, lançadas ao vento com destino certo: afago no espírito, cócegas na alma, mimo na paz, inibir agonias, afrouxar todo o receio de ser devaneador. Na Rua do Acalanto, primeiro peito franco à direita, casa de janelas sempre abertas e dispostas ao novo, jardim de lindas rosas de espinhos prósperos, varanda ao infinito, mansão cor de legítimo coração, em frente ao público dessa nossa solidão. Ali a pena dançará e nenhuma câimbra na felicidade, nem faíscas de isolamento nos fará desistir de estarmos “todos juntos”.

Então que seja doce.



"Então, que seja doce. Repito todas as manhãs, ao abrir as janelas para deixar entrar o sol ou cinza dos dias, bem assim: que seja doce. Quando há sol, e esse sol bate na minha cara amassada do sono ou da insônia, contemplando as partículas de poeira soltas no ar, feito um pequeno universo, repito sete vezes para dar sorte: que seja doce que seja doce que seja doce e assim por diante. Mas, se alguém me perguntasse o que deverá ser doce, talvez não saiba responder. Tudo é tão vago como se fosse nada"


Não doeu nadinha...


Voltei para dizer que correu tudo bem, não doeu nadinha... na hora, mas agora sinto um pouco de dor,nada que um remedinho não ajude. Tirar pontos daqui a duas semanas...e pronto! Acabou. Obrigada a todos que enviaram energias positivas, elas foram de grande valor. Presentinho?! Nenhum, mas o médico foi um anjo. =)

18 de março de 2011

Eu desejo que desejes

Eu desejo que desejes ser feliz

de um modo possível e rápido, 
desejo que desejes uma via expressa
rumo a realizações não utópicas, 
mas viáveis, que desejes coisas simples
como um suco gelado  depois de correr 
ou um abraço ao chegar em casa, 
desejo que desejes com discernimento
e com alvos bem mirados. 

Mas desejo também que desejes com audácia, 

que desejes uns sonhos descabidos 
e que ao sabê-los impossíveis
não os leve em grande consideração, 
mas os mantenha acesos, livres de frustração, 
desejes com fantasia e atrevimento, 
estando alerta para as casualidades e os milagres, 
para o imponderável da vida,
onde os desejos secretos são atendidos. 

Desejo que desejes trabalhar melhor,
que desejes amar com menos amarras,
que desejes parar de fumar,
que desejes viajar para bem longe
e desejes voltar para teu canto,
desejo que desejes crescer
e que desejes o choro e o silêncio,
através deles somos puxados pra dentro,
eu desejo que desejes ter a coragem
de se enxergar mais nitidamente. 

Mas desejo também que desejes uma alegria incontida, 

que desejes mais amigos,
e nem precisam ser melhores amigos, 
basta que sejam bons parceiros de esporte e de mesas de bar, 
que desejes o bar tanto quanto a igreja, 
mas que o desejo pelo encontro seja sincero, 
que desejes escutar as histórias dos outros, 
que desejes acreditar nelas e desacreditar também, 
faz parte este ir-e-vir de certezas e incertezas, 
que desejes não ter tantos desejos concretos, 
que o desejo maior seja a convivência pacífica 
com outros que desejam outras coisas. 


Desejo que desejes alguma mudança,
uma mudança que seja necessária
e que ela não te pese na alma,  mudanças são temidas,
mas não há outro combustível para essa travessia.
Desejo que desejes um ano inteiro de muitos meses bem fechados,
que nada fique por fazer, e desejo, principalmente,
que desejes desejar, que te permitas desejar,
pois o desejo é vigoroso e gratuito, o desejo é inocente,
não reprima teus pedidos ocultos, desejo que desejes vitórias,
romances, diagnósticos favoráveis,
mais dinheiro e sentimentos vários,
mas desejo, antes de tudo,
que desejes, simplesmente.
Martha Medeiros



17 de março de 2011

Não vai doer nadinha....


Amanhã terei duas pequenas cirurgias para fazer, como me sinto?...Absolutamente com medo...Tenho medo da anestesia, medo de sentir que estou sendo cortada...Medo daquelas roupas sem nenhum  style que temos que usar durante o procedimento, medo da impotência diante de outras pessoas. Já parou para pensar que em um momento desse, ficamos completamente de mãos atadas? Ninguém te ouve, ninguém entende se doer...Aflição de ter que ficar parada deixando pessoas me cortarem...( rsrsrsr dramática?! Euuu??? Imagina! ).
A verdade é que estou me sentindo meio dengosa. Além de medrosa.
Estava aqui lembrando da minha infância, nas visitas ao médico, ele sempre muito gentil me dava para brincar com as minhas bonecas, um palito de sorvete ( aqueles de ver a garganta ) e uma seringa ( sempre a menorzinha )...Com essas coisinhas ele me conquistava e fazia com que aquela visita não fosse tão traumatizante....
Com o passar dos anos nunca mais ganhei nenhuma seringa, nem tão pouco um palito de sorvete, no máximo um sorriso amarelo daqueles que os médicos são expert, ou um tratamento digamos amigável, aquelas conversas como se ele fosse um amigo antigo dando conselhos...rs
Então, sei que amanhã eu não vou receber presentinhos, mas estou confiante de que não vai doer....( minha cara nada convincente tenta me acalmar ).
Estou tentando manter a calma, estou calma e ao mesmo tempo não estou calma. A parte boa é que minha mãe, filha, irmão, amigos(as) dão aquela força gigantesca, uma palavra aqui, outra ali...Desejando que tudo corra bem, que NÃO vai doer e nem demorar, enfim uma corrente do bem para minha pessoa, essa sensação é super agradável e confortante...Confesso que me deixa mais mimada ainda....e eu adoroooo um mimo. Quem não gosta?!
Voltarei depois para contar como foi.

14 de março de 2011

Supermoon

Snoopy e Garfield


Snoopy
Aparece pela primeira vez em 2 de Outubro de 1950. Schulz originalmente ia chamar o cão de "Sniffy", até que descobriu que esse nome já era usado noutra banda desenhada (tirinha). Snoopy foi durante dois anos uma figura silenciosa, agindo como um cão real (caminhava sobre as quatro patas), mas, em 19 de Outubro de 1952, ele verbalizou os seus pensamentos aos leitores pela primeira vez através de balões.
Snoopy é um cão extrovertido com complexo de Walter Mitty, com muitas virtudes. A maior parte delas não são reais, mas sonhos que fazem parte do seu mundo de fantasia, que aparecem quando Snoopy dorme no telhado da sua casota.

*********************

Garfield

Estreou em 19 de Junho de 1978. Tinha traços disformes, bochechas enormes e olhos pequenos. Já mostrava sarcasmo na 1ºTira.
Um gato laranja listrado. Preguiçoso, guloso, amante de televisão e acima de tudo, sarcástico. Adora chutar Odie da mesa, arrotar, caçar pássaros e carteiros, o seu prato favorito é lasanha. Odeia segunda-feira, passas, Nermal, dietas (que vez ou outra Jon lhe impõe) e caçar ratos ("Lábios que tocam num rato jamais tocarão os meus"). Garfield adora matar aranhas, sofre de ataques de sono e em algumas tiras ele aparace tomando café. Vez ou outra não tem o que fazer e fica olhando pro teto, filosofando. Garfield "nasceu" numa segunda-feira, mas a odeia. Frequentemente as tirinhas de começo da semana mostram o gato se esborrachando (ou reclamando). Mas quando 19 de Junho cai numa segunda, Garfield acaba celebrando.





13 de março de 2011

Zero


Recruta Zero (nome original Beetle Bailey)é um desenho animado baseado na tiras em quadrinhos da King Features Syndicate, criado em 1950, por Mort Walker e que se tornou um dos quadrinhos mais lidos no mundo. Preguiçoso, indolente, está sempre armando formas de fugir do trabalho. Está sempre com boné ou capacete cobrindo os olhos.

Never let to tomorrow what you can do the day after tomorrow ("Nunca deixe para amanhã o que você pode fazer depois de amanhã").

Mafalda


Mafalda
Primeira aparição: 29 de Setembro de 1964.
Sobrenome: Quino
Idade: 6 anos em 1964 – 8 no último livro.
Características: Seus comentários e ideias refletem as preocupações sociais e políticas dos anos 60. Filha de uma típica família da classe média Argentina, a Mafalda representa o anticonformismo da humanidade, mas com fé na própria geração. O que mais odeia é a injustiça, a guerra, as armas nucleares, o racismo, as absurdas convenções dos adultos e, obviamente, a sopa. As suas paixões são os Beatles, a paz, os direitos humanos e a democracia.
Álbum de família: pai, mãe e um irmão, o Guille. Tem pelo menos uma avó, à qual mandou um cartão postal depois de umas férias.






8 de março de 2011

Receitinha....Bolo Farofa


Ingredientes

Creme:
• 2 gemas
• 1 colher (chá) de essência de baunilha
• 1 colher (sopa) de manteiga
• 1 colher (sopa) de farinha de trigo
• 1 lata de creme de leite
• 1 lata de leite
• 1 lata de leite condensado
Farofa:
• 3 xícaras (chá) de farinha de trigo
• 1 colher (sopa) de fermento em pó
• 1 ovo
• 100 g de manteiga em temperatura ambiente
• 1½ xícara (chá) de açúcar

Preparo

Farofa: Faça uma farofa misturando muito bem, com as mãos, todos os ingredientes. Reserve.

Creme: Misture em uma panela o Leite Moça, a farinha dissolvida no leite, a manteiga e a baunilha e leve ao fogo baixo, mexendo sempre, até engrossar. Retire do fogo, deixe amornar e junte as gemas e o Creme de Leite.

Montagem: Unte uma fôrma de aro removível (25cm de diâmetro), coloque metade da farofa, espalhe o creme e cubra com o restante da farofa. Asse em forno médio-alto (200ºC) por 30 minutos aproximadamente.

Dica

Se desejar variar o recheio, espalhe sobre o creme 1 maçã em fatias finas, antes de colocar a segunda camada de farofa.

P.S. eu não coloco gemas no creme e às vezes substituo a baunilha por 3 cravos...facíl de fazer e gostosinho!

Pinte um arco-íris no céu....


Se você é gentil, podem acusá-lo de egoísta, interesseiro. Seja gentil assim mesmo! Se você é um vencedor terá alguns falsos amigos e alguns inimigos verdadeiros. Vença assim mesmo! Se você é bondoso e franco poderão enganá-lo. Seja bondoso e franco assim mesmo! O que você levou anos para Muitas vezes as pessoas são egocêntricas, ilógicas e insensatas. Perdoe-as assim mesmo! construir, alguém pode destruir de uma hora para a outra. Construa assim mesmo! Se você tem paz e é feliz, poderão sentir inveja. Seja feliz assim mesmo! O bem que você faz hoje, poderão esquecê-lo amanhã. Faça o bem assim mesmo! Dê ao mundo o melhor de você, mas isso pode nunca ser o bastante. Dê o melhor de você assim mesmo! Veja você que, no final das contas é entre você e Deus. Nunca foi entre você e os outros!
Madre Teresa de Calcutá

Chaplin



"Pensamos em demasia e sentimos bem poucos.
Mais do que máquinas precisamos de humanidade.
Mais do que de inteligência, precisamos de afeição e doçura.
Sem essas duas virtudes, a vida será de violência e tudo será perdido”.
(Charles Chaplin - O último discurso, do filme O Grande Ditador)

Somos Mulheres...

Posso dizer com toda convicção que ser mulher é um espetáculo, sentimos todo tipo de sentimento, temos o paladar aguçado, e o olfato que funciona muito bem... Nosso Tato reage de acordo com a situação, ouvimos o que nos interessa e o que não traga “tanto” descontentamento, temos uma visão que vai além do corpo físico... Só sendo mulher para entender o quanto é espetacular ser mulher.




Que mulher nunca teve...
Um sutiã meio furado,
Um primo meio tarado,
Ou um amigo meio viado?
Que mulher nunca tomou
Um fora de querer sumir,
Um porre de cair
Ou um lexotan para dormir?
Que mulher nunca sonhou
Com a sogra morta, estendida,
Em ser muito feliz na vida
Ou com uma lipo na barriga?
Que mulher nunca pensou
Em dar fim numa panela,
Jogar os filhos pela janela
Ou que a culpa era toda dela?
Que mulher nunca penou
Para ter a perna depilada,
Para aturar uma empregada
Ou para trabalhar menstruada?
Que mulher nunca comeu
Uma caixa de Bis, por ansiedade,
Uma alface, no almoço, por vaidade
Ou, um canalha por saudade?
Que mulher nunca apertou
O pé no sapato para caber,
A barriga para emagrecer
Ou um ursinho para não enlouquecer?
Que mulher nunca jurou
Que não estava ao telefone,
Que não pensa em silicone
Que 'dele' não lembra nem o nome?

Só as mulheres para entenderem o significado deste poema!


Estamos em uma época em que:
'Homem dando sopa, é apenas um homem distribuindo alimento aos pobres.'
'Mais vale um cara feio com você do que dois lindos se beijando.'
'Príncipe encantado que nada... Bom mesmo é o lobo-mau!!
Que te ouve melhor... Que te vê melhor...
E ainda te come!!!'